Fortaleza sedia encontro do 4° ciclo de capacitação do Selo UNICEF

Discutir formas de prevenir homicídios na adolescência, de enfrentar o racismo, de melhorar o atendimento a crianças vítimas de violência e de incluir as medidas socioeducativas na pauta do município, com gestores municipais, articuladores e conselheiros de direitos de 67 municípios. Foi esse o objetivo da formação ocorrida em Fortaleza na última segunda-feira (3), no 4° ciclo de capacitação do Selo UNICEF.
Adolescentes do NUCA também refletiram sobre sua ação no coletivo, com a equipe do UNICEF.

Com questões problematizadoras e partindo de casos reais, os parceiros do Coegemas e da APDMCE, responsáveis pela condução dos temas, discutiram com o grupo como a descontinuidade dos serviços, a falha de articulação entre a rede de proteção e a ausência de políticas públicas pode impactar negativamente na vida das crianças, adolescentes e suas famílias. A metodologia possibilitou aos municípios repensarem suas próprias realidades e dinâmicas, em um exercício rico e dinâmico.

Os participantes ainda esclareceram dúvidas quanto à comprovação dos documentos na plataforma.

Amanhã o encontro será em Juazeiro do Norte.